CIDOC Board Nomination | Candidatura ao CIDOC

Alexandre Matos – CIDOC Board Nomination

Alexandre Matos - Nomination for Board

Alexandre Matos

I’ve submitted my CIDOC Board Nomination (as an ordinary member) for the 2016-2019 triennial. As you may know I’ve been an active member of CIDOC since 2004 and I’ve participated in several CIDOC annual conferences since then. I’ve learned a lot from CIDOC and with all the colleagues and friends that I’ve the opportunity to met in this important and relevant committee, and now I’ve the opportunity to give back with my effort and capacity to continue and, if possible, improve the work that all the prior board teams have done so far.

My intention with this nomination is to contribute, as far as I can, to promote the work of CIDOC and CIDOC working groups within the Portuguese spoken countries community in order to bring more colleagues from those countries to discuss the subjects and topics of museum documentation with other colleagues from other parts of the world. This seems to be a quite simple contribution but if we see the figures about the participation in CIDOC of colleagues from Cape Verde, Mozambique, Angola, Guiné, São Tomé e Príncipe and even from Portugal and Brasil we can easily see the benefits of promoting their participation for their museums, for CIDOC and, mainly, for museum documentation diversity. I think also that the committee can be more effective in the production and dissemination of comprehensive and free material about the standards, good practices, technical information, evaluation tools, etc. produced by the working groups that can help the museum community to improve the methodologies and tools used to produce and deliver better museum documentation and a better collections management ecosystem.

I also pretend to help the committee to create the necessary bridges that allow us to improve the collaboration with other ICOM National and International committees and with other international institutions that deal with similar issues in the archives and libraries sectors.

The prior boards have done a great amount of work and I think that the time to promote it has arrived, but we still need to focus our attention in the development of new tools, standards, good practices, ethical concerns, etc. that help us to improve museum documentation and to respond to the constant demands of the changing world that we live in.

I’ll be grateful if you choose to support my nomination and I’m excited to work with you all in the next three years. You can find my nomination statement here (PDF).

For information about the election process, please go to http://network.icom.museum/cidoc/home/news/cidoc-board-elections-2016/.

The voting process is carried out with a voting system that uses Google Docs. The elections is open until 31 May 2016. To vote please visit: https://docs.google.com/forms/d/1ILOKB4DEry7Ym9hndPysa0P9eQH3fKxF3GobF53jKFE/viewform?ts=57227dbf&edit_requested=true

I want to thank Gabriel Bevilacqua and Fernando Cabral for all the support in this nomination.

 


Alexandre Matos – Candidatura ao Board do CIDOC

Alexandre Matos - Candidatura ao CIDOC

Alexandre Matos

Enviei há dias a minha candidatura para Membro Ordinário da Direcção do CIDOC (Comité Internacional para a Documentação do ICOM) para o triénio 2016-2019.

Como devem saber sou um membro ativo do CIDOC desde 2004 e participei activamente em várias conferências anuais deste comité desde então, nas quais aprendi muito e conheci colegas e amigos que foram determinantes para a minha vida profissional e académica. Agora tenho a oportunidade de retribuir tudo o que recebi com o meu esforço e capacidade para continuar e, se possível, melhorar o trabalho que todas as direcções anteriores fizeram.

A minha intenção com esta candidatura é contribuir, tanto quanto puder, para promover o trabalho do comité e dos seus grupos de trabalho no âmbito da comunidade lusófona com o objectivo de envolver os colegas desses países na discussão alargada sobre as questões mais prementes na documentação museológica. Embora possa parecer uma contribuição bastante simples, ao olhar para os números de participação no CIDOC de colegas de Cabo Verde, Moçambique, Angola, Guiné, São Tomé e Príncipe, Macau, etc. e até mesmo de Portugal e Brasil, podemos facilmente verificar os benefícios que os museus desses países teriam ao envolver os seus profissionais em questões que são fundamentais para o desenvolvimento da área da documentação museológica e na repercussão dessa participação na documentação do património cultural da lusofonia.

A par desta pretensão, penso também que o comité pode e deve ser mais eficaz na produção e disseminação de material de apoio, de forma abrangente e gratuita, sobre normas, boas práticas, informações técnicas e ferramentas de avaliação produzidas pelos grupos de trabalho, com o objectivo de incentivar a sua utilização e permitir à comunidade museológica internacional implementar na prática os métodos e ferramentas para a produção da documentação sobre as colecções e garantir a criação de ecosistemas de gestão de colecções verdadeiramente eficazes.

Pretendo também ajudar a direcção do CIDOC a criar as pontes necessárias que permitam melhorar a colaboração com outros comitês nacionais e internacionais do ICOM e, a par, com outras instituições internacionais que lidam com questões semelhantes nos sectores dos arquivos e bibliotecas.

As direcções anteriores do CIDOC têm feito um grande trabalho e eu acho que o tempo para promovê-lo chegou, sem no entanto esquecer o desenvolvimento das ferramentas, normas, boas práticas, preocupações éticas, etc. que nos ajudam a melhorar os sistemas de gestão de informação sobre património cultural e responder às constantes exigências e mudanças do mundo em que vivemos.

Ficarei muito grato se optarem por apoiar a minha candidatura e estou empenhado em trabalhar com todos vocês no próximo triénio para bem do CIDOC, dos seus membros e da documentação museológica. Poderão também encontrar a minha declaração de candidatura aqui.

Para obter informações sobre o processo eleitoral, consulte este link.

O processo de votação é realizado através de um sistema de votação que utiliza o Google Docs. Se for membro do CIDOC poderá votar através deste link.

Não posso deixar de agradecer ao Fernando Cabral e ao Gabriel Bevilacqua todo o apoio e suporte no processo desta candidatura.