Tags

Related Posts

Share This

CIDOC 2009

Ontem foi dia de rever velhos amigos do ano passado. Até ao final da tarde estive com poucas esperanças de ver alguém. O Dominique da Suiça e a Helena de Itália, um bacano do Bangladesh (cujo nome me recuso a escrever) e também as costumeiras presenças na conferência: o Nick Crofts, o Martin Doer, etc e tal.

A manhã correu muito bem. Aprender mais sobre o CIDOC CRM com quem esteve e está envolvido directamente no seu desenvolvimento é uma oportunidade única. A tarde foi de trabalho com o boss para acabar e rever a comunicação que vamos apresentar mais logo, às 14:40 locais. E finalizamos com uma visita a um museu local onde fui conhecendo pessoas do Zimbabwe, da Zâmbia, da Colômbia, do Benim, da Costa do Marfim, do PEru, etc… etc… e tal. É uma das melhores coisas do CIDOC. Conhecer pessoas de sítios tão diferentes é uma coisa absolutamente enriquecedora.

À noite fomos jantar pertinho do hotel. Estava um frio do camandro e a vontade de uma volta maior perdeu contra o conforto. Um bom jantar com o Dominique, a Helena e o Fernando que deu para falar sobre o CIDOC do ano passado, do SPECTRUM e das suas traduções (temos que falar Alice e Paula, temos mesmo que falar) e de um monte de assuntos interessantes.